Erro no Revolution Slider: Slider with alias fotos_studiopilates not found.
Maybe you mean: 'posts' or 'ambulatorio' or 'agenda' or 'slider7' or 'PROGRAMAS'

Gengibre

Uma das qualidades mais conhecidas do gengibre é seu poder de melhorar a digestão, pois é um grande anti-inflamatório e carminativo, o que o transforma em um dos melhores aliados para combater diversos problemas do estômago.

Você sabia que o gengibre, além de melhorar problemas digestivos, pode nos ajudar a aliviar as dores menstruais? Ele também é efetivo contra a enxaqueca, melhora a circulação e é rico em vitamina C!

• Aliviar náuseas e enjoos;
• Reduzir a inflamação estomacal;
• Aliviar a irritação ao longo do trato gastrointestinal;
• Combater o inchaço e as flatulências;
• Estimular o trabalho do pâncreas para aumentar a produção de enzimas que favorecem a absorção dos nutrientes

Para uma boa circulação

O consumo de gengibre contribui para a eliminação do colesterol ruim do sangue e impede a obstrução arterial. Graças a isso, essa raiz é considerada uma aliada da saúde cardiovascular e do sistema circulatório. Mas claro, não deve ser consumida em excesso e deve-se consultar o médico, já que pode ter efeitos secundários se combinado com outros medicamentos.

 

Aliviar dorES

Seu poder anti-inflamatório e analgésico o torna um bom remédio para reduzir as dores articulares como aquelas causadas pela artrite. Além disso, o gengibre tem uma ação antiespasmódica que ajuda a tratar dores menstruais e musculares.
Contra a enxaqueca, acontece quando lipídios chamados prostalglandinas atuam contraindo e dilatando os vasos sanguíneos cerebrais. Quando se ativam em excesso fazem com que esses vasos se inflamem e a pressão sanguínea aumente, desencadeando essa dor severa de cabeça. Para bons resultados os especialistas recomendam consumi-la quando notarmos os primeiros sintomas da enxaqueca.

Reduz a inflamação

Contém um composto chamado gingerol, que atua como um poderoso anti-inflamatório, capaz de combater diferentes tipos de inflamação e doenças. Esta qualidade é tão efetiva e evidente que os especialistas em saúde começaram a recomendá-lo como tratamento alternativo para aliviar doenças crônicas como a artrite ou a colite ulcerosa. Além disso, a redução da inflamação crônica em todo o corpo ajuda a diminuir o risco de desenvolvimento de câncer.

Para a diabetes

O consumo regular de gengibre pode ajudar a reduzir em até 30% os níveis de açúcar no sangue. Somamos isso à sua capacidade de aumentar em 10% a secreção de insulina em pacientes com diabetes do tipo II. Em qualquer caso, seu consumo deve ocorrer sob supervisão médica, especialmente para quem estiver tomando algum medicamento para controlar essa doença.

É anticancerígeno

Os fitoquímicos, antioxidantes, vitaminas e minerais presentes no gengibre podem ajudar a reduzir o estresse oxidativo das células e fortalecer o sistema imunológico. Graças a isso, o corpo aumenta sua capacidade de lutar contra as células cancerígenas antes que piorem a saúde. Segundo várias pesquisas, essa raiz poderia ajudar na prevenção e no tratamento dos cânceres de próstata, de ovário e de mama. Mas, como já dissemos, o consumo da raiz de gengibre deve ser moderado, já que fazer isso de forma excessiva pode causar outros efeitos negativos.

Fonte: Lelington Lobo Franco

Hadassah

Deixe um comentário pra gente!