Erro no Revolution Slider: Slider with alias fotos_studiopilates not found.
Maybe you mean: 'posts' or 'ambulatorio' or 'agenda' or 'slider7' or 'PROGRAMAS'

Saúde Emocional – A força para qualquer doença

A Saúde Emocional é o bem-estar emocional. Equilíbrio entre estímulos, ambiente, herança genética e nossa própria postura.

Você com certeza já viu alguém com uma capacidade de superação exemplar. Que perdeu alguém que amava muito, mas se manteve firme. Que passou por um diagnóstico de doença grave com positividade e os dois pés no chão. Sim saúde emocional não é ignorar que as vezes a vida é difícil. Saúde emocional é entender que apesar dos problemas, você continua, o coração ainda vai pulsar, e ainda vai vir mais um dia.

Enquanto essas pessoas conseguem encontrar a resiliência de passar por momentos difíceis sem comprometer outras partes da vida, outras pessoas não conseguem. Se entregam, desistem de si mesmas e da vida. Dados do DATASUS revelam que mortes relacionadas a depressão  cresceram mais de 700%  em 16 anos. Depressão é uma doença grave, que tira a vontade de viver e pode até matar.

Não é só coisa da sua cabeça. As emoções influenciam muito mais que apenas seus pensamentos. Elas influenciam sua imunidade, longevidade, seu fluxo sanguíneo e até seu peso. Emoções descontroladas colocam sua saúde em risco, levando a compulsões e desencorajam bons hábitos.

Dicas para sua saúde emocional:

  • Seja positivo. Permitir as emoções ruins serem expressadas de uma maneira saudável. Entenda que faz parte da sua experiência como ser humano não estar sempre feliz, mas que para lidar com a tristeza é preciso desabafar com pessoas de maturidade e confiança. Manter a positividade é entender que você pode aprender alguma coisa com o que está acontecendo, e que isso vai te fazer uma pessoa melhor, é acreditar que virão coisas boas. Não é pensar que nada deu, nem nunca vai dar certo… é assumir que algumas coisas não dão certo, mas outras dão sim, e no geral a experiência de viver é de crescimento e
  • Aceitar que as vezes você vai ter raiva, mas que com a energia que ela traz, poderão haver prejuízos. Canalizar as emoções para soluções e posturas que melhorem sua condição. As vezes você não consegue alterar o que está acontecendo, mas pode controlar como isso vai te afetar, minimizando as consequências disso.
  • Faça alguma coisa boa para você, como fazer uma caminhada em um bosque(que vai te ajudar a liberar endorfinas e tranquilizar), comer sua refeição favorita (com calma, saboreando o prato e apreciando o momento, sem o desespero de uma compulsão), se arrumar (tomar um banho revitalizante, fazer uma limpeza de pele, uma máscara de porcelana, um novo corte de cabelo), ou então fazer alguém bem feliz (dando um presente, fazendo um elogio).
  • Seja sociável. Amigos e familiares podem te ajudar a lidar com sugestões ou apenas ouvindo você. Uma outra perspectiva sobre o que acontece na sua realidade vai fazer bem a você.
  • Mantenha seu corpo nutrido. Para que seu cérebro funcione bem, ele precisa do combustível. Uma boa alimentação, variada e nutritiva vai permitir que você tenha produção de hormônios que causam a sensação de bem estar.
  • Seja grato. Procure agradecer a Deus por tudo de agradável que você tem como experiência. Agradecer a quem convive com você vai tornar seus relacionamentos sociais mais agradáveis também.

Você conhece algumas dicas para o equilíbrio emocional? Conta para gente nos comentários!

E para saber mais indicamos esse livro gratuito: http://livro.esperanca.com.br/o-poder-da-esperanca/

Autor: Evelyn Dias KochMarketing
1938585900
evelyn.koch@ucb.org.br

Evelyn Koch

Marketing CEVISA relacionamentos@cevisa.org.br

Deixe um comentário pra gente!