É tempo de relaxar!

Através da harmonia com a natureza o Centro de Vida Saudável promove um estilo de vida que trata e previne diversas doenças.

Posts Recentes

facebook instagram youtube

Post

Você pode encontrar, hoje em dia, uma grande variedade de frutas, verduras e legumes, nas feiras e supermercados durante todo o ano. Essa disponibilidade é o resultado de técnicas modernas de produção agrícola, envolvendo sementes modificadas, adubos, e até agrotóxicos.O que pode parecer positivo, mas não é. O ideal é escolher alimentos orgânicos e preferir por comprar alimentos da época. Que são frutas, legumes e verduras que a natureza produz sem a intervenção tecnológica mais intensa.O engenheiro agrônomo e pesquisador do Centro Nacional de Pesquisa de Mandioca e Fruticultura da Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias (Embrapa), Domingo Haroldo Reinhardt, explicou para o instituto Akatu que qualquer tipo de produção em escala comercial faz uso dessas técnicas, o que possibilita a oferta do produto fora de sua época natural.Para ampliar a janela de oferta ao longo do ano, a produção orgânica usa técnicas de adubagem a partir de resíduos vegetais e animais para enriquecer o solo e potencializar a produção. “Esse processo não tem muita interferência no produto final.A fruta amadurece fora de sua época, mas obedece a seu ciclo natural”, explica Reinhardt. Os fertilizantes químicos, muito usados na agroindústria, aumentam o teor de água dos produtos reduzindo seu valor nutritivo e seu sabor, além de empobrecerem o solo em longo prazo. “A utilização dos adubos químicos, dos defensivos agrícolas e das sementes modificadas formam um círculo vicioso, porque essas plantações necessitam cada vez mais de adubação e proteção de químicos para se desenvolver”, explica o pesquisador da Embrapa.Por respeitarem o ciclo natural de amadurecimento, as “frutas da época” têm sabor mais próximo ao original e acumulam mais nutrientes. “Além disso, devido à maior oferta no período, os preços tendem a baixar, o que gera economia para o consumidor final”, diz o engenheiro agrônomo Cloves Ribeiro Neto, do Instituto Brasileiro de Frutas (Ibraf). As “frutas da estação” comumente são produzidas em locais próximos aos seus pontos de distribuição.Optar por consumi-las contribui para a redução do impacto ambiental uma vez que essa prática “impulsiona a economia local, diminuindo as distâncias entre produtor e consumidor, o que reduz o desperdício de produtos durante o seu transporte”, completa Cloves.E quais são os alimentos da época? Veja só! Janeiro Frutas: abacaxi, carambola, coco verde, figo, framboesa, fruta do conde, laranja-pera, mamão, maracujá, melancia, nectarina e uva; Verduras: alface, cebolinha, couve e salsa; Legumes: abóbora, abobrinha, beterraba, pepino, pimentão, quiabo e tomate. Fevereiro Frutas: abacate, ameixa, carambola, coco verde, figo, fruta do conde, goiaba, jaca,

Sim, é exatamente isso que você acabou de ler: dia internacional de atenção a gagueira. Mas, porque temos um dia totalmente voltado para esse assunto? Nesse artigo você vai saber um pouco sobre o porquê dessa data, o motivo que levou a oficializar-la; o que é gagueira; sintomas e sinais; os cuidados básicos para com quem possui esse déficit da comunicação e fluência da fala; entre outras curiosidades. Vamos a leitura! Dia internacional de atenção a gagueira O Dia Internacional de Atenção à Gagueira surgiu em 1998, uma iniciativa conjunta da International Fluency Association (Associação Internacional da Fluência - IFA) e International Shuttering Association (Associação Internacional de Gagueira - ISA). O Brasil participa das campanhas do Dia Internacional de Atenção à Gagueira desde a primeira edição, em 1998. Os principais núcleos que promovem esta data no país são: a Associação Brasileira de Gagueira (Abra Gagueira) e o Instituto Brasileiro de Fluência.   Anualmente, em 22 de Outubro, se tem o costume de dar uma atenção maior a essa dificuldade da fala. A data tem por objetivo informar as pessoas sobre o que é a gagueira e como ser tratada. Primeiramente vamos entender, o que é a gagueira? O que é a gagueira Por ser considerada um distúrbio ou transtorno na temporalização da fala que afeta a fluência e a comunicação, a principal característica de uma pessoa que possui esse transtorno é a dificuldade em finalizar o som de uma palavra e começar uma próxima palavra logo em seguida, muitas vezes repetindo a mesma sílaba. A temporalização significa o tempo de execução dos sons, das sílabas, palavras e frases.   Já a fluência representa a suavidade e a facilidade com que os sons, sílabas, palavras e frases são produzidas ao longo da fala. Nesse caso, pessoas que possuem gagueira, a produção da fala é trabalhosa, e a ligação entre sons, sílabas, palavras e frases não é automática ou espontânea. A maioria das crianças (entre 3 a 5 anos), quando estão aprendendo a falar, apresentam alguns sintomas da gagueira. Nesse caso, não há motivos para preocupação, pois é normal, e trata de uma fase de adaptação e aprendizado da comunicação e início da fluência. Então, quais seriam os sintomas da gagueira?   Sinais e sintomas de gagueira Atualmente a gagueira é vista pela ciência como um distúrbio causado por diversos fatores. Aguns desses fatores são: Genética >> Existem comprovações cientificas da presença de genes envolvidos no surgimento e manutenção da gagueira; Condições médicas >> A gagueira

Open chat
Em que podemos ajudar?